Logo do Blueprint
Fechar

Inbound marketing: quais as vantagens desta estratégia no mercado imobiliário?

Você sabe o que é inbound marketing? Entenda os benefícios dessa estratégia para o mercado imobiliário e veja como aplicá-la no seu negócio!

Trata-se de uma estratégia de marketing digital que se concentra na atração de clientes para o seu negócio.

Com a chegada da internet, as pessoas interessadas em imóveis passaram a ter mais facilidade para encontrar por conta própria diversas opções de imóveis. Para se adaptar a essa mudança de comportamento, os corretores também devem estar presentes on-line. Por isso, é válido conhecer o inbound marketing. 

Essa é uma estratégia de atração de clientes na internet. Apesar de sua importância, ela ainda é desconhecida por diversos profissionais do mercado imobiliário. Com isso, as empresas do ramo perdem a oportunidade de usufruir das vantagens proporcionadas pela metodologia.

Quer saber mais sobre o assunto? Conheça o conceito de inbound marketing, os seus principais benefícios e outras informações relevantes!

O que é o inbound marketing?

Inicialmente, é necessário entender o conceito de inbound marketing. Trata-se de uma estratégia de marketing digital que se concentra na atração de clientes para o seu negócio. Para tanto, a metodologia foca na criação de conteúdo valioso que se alinha às necessidades de seu público.

Afinal, quanto mais valor você oferece aos consumidores por meio de conteúdos úteis, mais eles vêm até sua marca — especialmente quando os usuários estão procurando por uma solução. Assim, o papel do inbound marketing é atrair as pessoas para o seu negócio, em vez de você ir atrás delas.

Três etapas do processo de inbound marketing, essencial para que o usuário possa chegar até a sua marca.
O processo de inbound marketing é essencial para que o usuário possa chegar até a sua marca. Fonte: Blueprint

A estratégia pode ser implementada por meio de diferentes conteúdos e plataformas. Esse é o caso, por exemplo, dos artigos de blog, e-books distribuídos por meio de e-mails, postagens nas redes sociais e vídeos compartilhados em sites.

Como funciona o inbound marketing no mercado imobiliário?

Para saber, de fato, o que é inbound marketing, é preciso compreender como ele funciona. Então é necessário conhecer as etapas dessa estratégia. A seguir, você aprenderá mais sobre cada uma delas.

Confira!

Atração

A primeira etapa do inbound marketing é a atração de pessoas interessadas em imóveis, já que elas têm maior potencial de se tornarem clientes. Entre as estratégias mais comuns está a postagem de conteúdos em blogs e redes sociais, que são os principais meios de pesquisas dos usuários.

Conversão

A conversão é a próxima etapa do inbound marketing. Ela tem como objetivo transformar o visitante em um potencial cliente para que ele avance no processo de compra. Existem diversas técnicas que podem ajudar nessa tarefa, como a newsletter.

A partir dessa solução, o interessado receberá conteúdos que ajudarão a prepará-lo para uma abordagem de vendas. Mas atenção: nem todos os leads fecham negócio ao mesmo tempo. Logo, é preciso esperar até o momento mais adequado para oferecer sua solução para cada um deles. 

Venda

Aqui, é a hora de guiar o lead até a decisão final de compra. Nesse sentido, é importante produzir conteúdos que respondam às dúvidas mais comuns durante as vendas. Assim, o usuário se sentirá mais seguro para dar o próximo passo — a compra ou a locação de um imóvel.

Fidelização

O inbound marketing não termina com a assinatura do contrato com a imobiliária. Depois, é preciso encantar o cliente para ele continuar interessado em você e ainda compartilhar sua experiência com outras pessoas, atraindo novos clientes para o negócio e retornando em novas oportunidades. 

Quais as principais diferenças entre inbound e outbound marketing?

Como você viu, o objetivo do inbound marketing é atrair o potencial cliente para o seu serviço, em vez de competir pela atenção dele por meio do outbound marketing. Essa é uma estratégia de marketing oposta ao inbound — sendo interessante conhecer as diferenças entre elas.

Um ponto diferenciador entre essas duas metodologias é a comunicação. No inbound, o diálogo é indireto, pois é feito por meio dos conteúdos, com teor educativo. Já no outbound, ele é direto — porque são enviadas propagandas diretas do serviço e contatos por parte do corretor. 

Quadro comparativo mostra quais são as principais diferenças entre o inbound e o outbound marketing.
Confira as principais diferenças entre o inbound e o outbound marketing. Fonte: Blueprint

Há também diferenças nos canais de comunicação utilizados por ambas as formas de marketing. No inbound marketing, é comum usar as redes sociais e o blog para divulgar os imóveis. Enquanto isso, no outbound marketing, há um foco maior no uso de espaços publicitários (como propagandas) e contatos diretos.

Além disso, o ciclo de venda é distinto. Isso porque o processo tende a ser mais rápido no outbound que no inbound marketing. Afinal, a primeira estratégia ignora as demais etapas do processo de compra do consumidor, que podem anteceder a negociação. 

Confira mais conteúdos sobre marketing e anuncie conosco!

Quais as principais vantagens do inbound marketing?

Entendeu o que é inbound marketing? Agora é válido conferir as principais vantagens de implementar essa estratégia na sua imobiliária.

Conheça a seguir os benefícios mais importantes dessa metodologia para o mercado imobiliário!

Alcance do público certo

No inbound marketing, os conteúdos são voltados para as necessidades do público, desde que elas estejam relacionadas aos seus produtos ou serviços. Portanto, eles devem solucionar as dores dos usuários em cada etapa do processo de compra — como você verá mais adiante.

Com isso, a imobiliária pode ser facilmente encontrada por pessoas que tenham interesse no que você tem a oferecer. Logo, o inbound marketing contribui para o alcance do público certo, aumentando as chances de os interessados concretizarem um negócio.

Maior conexão com o cliente

Ao oferecer as soluções mais adequadas para cada dor que o usuário enfrenta na jornada de compra, o consumidor percebe a sua capacidade de resolver os problemas, ou seja, você se apresenta como um parceiro, e não apenas como alguém que está tentando vender ou locar um imóvel para ele.

Dessa maneira, é possível criar e manter um relacionamento com os clientes em potencial e os atuais — o que ajuda a garantir a fidelização do consumidor. Por essa razão, o inbound marketing gera maior conexão com o público. 

Aumento do poder de persuasão

A persuasão é a capacidade de convencer alguém a executar uma determinada ação. Ela pode ser trabalhada de diversas formas no processo de vendas por meio dos gatilhos mentais — como o da reciprocidade. Segundo essa tática, as pessoas tendem a retribuir quando recebem uma oferta. 

Assim, quando você oferece conteúdos gratuitos ou um desconto, por exemplo, é natural que o potencial cliente se sinta incentivado a comprar ou alugar um imóvel. Dessa forma, os conteúdos valiosos, como um e-book sobre como procurar o imóvel ideal na internet, são estratégias interessantes para a imobiliária.

Redução dos custos na atração de clientes

As ações de outbound costumam ser mais caras, pois envolvem anúncios em mídias maiores — como televisão, rádio e jornal. O inbound, por outro lado, tem soluções mais acessíveis e até mesmo gratuitas. Esse é o caso, por exemplo, das redes sociais, dos sites e dos blogs.

Logo, o investimento em divulgação de um imóvel tende a ser menor no inbound marketing. Consequentemente, é possível obter a redução de custos na atração de clientes para a imobiliária.

Aumento da lucratividade

Além da redução de custos, o inbound marketing promove aumento da lucratividade. Afinal, com ações de divulgação mais efetivas, você tem maiores chances de fechar negócio. 

Ademais, a estratégia permite que os seus serviços sejam conhecidos por mais pessoas. Por exemplo, os clientes tendem a compartilhar uma experiência de compra ou locação positiva com outras pessoas. 

Como a indicação possibilita vantagens para você, é interessante estimular esse comportamento. E isso pode ser feito de modo natural, ao garantir a satisfação do consumidor e desenvolver um relacionamento por meio do inbound marketing. 

Maior visibilidade para a marca

No ambiente digital, não há limites geográficos para chegar até os clientes. Por isso, o inbound marketing aumenta seu alcance significativamente. A criação de conteúdos baseada na intenção de busca do público permite ao negócio ser encontrado por qualquer usuário on-line.

Quando mais pessoas acessam seu blog, por exemplo, o Google entende que o seu conteúdo é relevante para sua audiência. Como recompensa, ele tende a posicionar suas páginas nos primeiros resultados de pesquisas feitas a partir de termos relacionados à sua imobiliária — ampliando o alcance da marca.

Mensuração de resultados em tempo real

Quando você compartilha um conteúdo em suas redes sociais ou blog, pode acompanhar o desempenho da postagem em tempo real. Por exemplo, é possível verificar o número de acessos recebidos em um artigo ou a quantidade de compartilhamento de um post no Instagram.

Assim, você pode medir os resultados com agilidade. Desse modo, fica mais fácil alterar as estratégias de marketing em tempo hábil — caso seja necessário. Com isso, pode-se otimizar os investimentos direcionados para o inbound marketing.

Como começar a implementar o inbound marketing na imobiliária?

Para aproveitar os benefícios proporcionados pelo inbound marketing, é preciso saber como aplicar essa estratégia. Por isso, você verá a seguir algumas dicas para começar a estruturar esse processo na sua imobiliária.

Confira!

Invista em marketing de conteúdo 

Como você viu, o foco do inbound marketing é o conteúdo que auxilia o consumidor em todo processo de compra. A partir disso, é possível transformá-lo em cliente da sua imobiliária. Nesse cenário, o marketing de conteúdo é uma estratégia central. 

Por meio dela, você pode produzir conteúdos de valor para ajudar seu público a resolver seus problemas até ele estar pronto para uma abordagem de vendas. Mas, para executar o marketing de conteúdo em uma abordagem de inbound, é necessário conhecer o perfil ideal do seu cliente.

Colhendo informações relevantes, você pode definir o tom de voz do seu conteúdo e os tópicos sobre os quais deve escrever. É possível, ainda, entender onde seu público costuma fazer pesquisas para compartilhar o conteúdo nesses ambientes e entregar materiais alinhados aos interesses dos usuários.

Conheça a jornada de compra

Conhecida também como jornada do cliente, a jornada de compra é o caminho que um consumidor percorre até fechar um negócio. Normalmente, esse processo é composto por quatro estágios:

  • Aprendizado e descoberta: nesse momento, o consumidor não tem certeza ou não sabe que tem um problema que precisa ser resolvido — como a necessidade ter um imóvel com o tamanho ideal para o conforto da família;
  • Reconhecimento do problema: nessa fase, o usuário percebe que tem uma necessidade. Por isso, ele começa a pesquisar sobre maneiras de resolvê-la — e a ajuda do corretor de imóveis pode ser um diferencial;
  • Consideração da solução: aqui, a pessoa começa a pesquisar e avaliar as imobiliárias que podem ajudá-la a encontrar o imóvel ideal para ela e sua família;
  • Decisão de compra: depois de conhecer algumas empresas de venda e locação de imóveis, o cliente em potencial entra em contato com a imobiliária escolhida e talvez feche o negócio.

Ao conhecer a jornada de compra do seu cliente, você é capaz de determinar o assunto e o tipo de conteúdo que deve escrever para ele em cada etapa desse processo. Depois, é possível compartilhá-lo por meio de diversos canais de comunicação. 

Otimize o conteúdo para os mecanismos de buscas

Como você viu, quando um usuário tem uma dúvida, ele busca a resposta por meio dos mecanismos de buscas — como o Google. Assim, é preciso fazer com que o consumidor encontre seu conteúdo ranqueado nas primeiras páginas ao fazer pesquisas relacionadas ao seu nicho.

Esse objetivo pode ser alcançado ao seguir recomendações para que os artigos do seu blog tenham mais visibilidade no mecanismo de busca. Elas consistem em estratégias de SEO, sigla para search engine optimization. Em português, o termo significa otimização para mecanismos de busca.

Alguns dos fatores de ranqueamento mais importantes do Google são:

  • Velocidade: a página deve carregar completamente em pouco tempo para melhorar a experiência do usuário;
  • Compatibilidade com dispositivos móveis: o design do site deve se ajustar automaticamente a diferentes formatos de telas — especialmente do smartphone; 
  • Backlinks: são os links presentes em outros sites que direcionam para suas páginas na web, que podem gerar mais tráfego e aumentar a autoridade do site;
  • Conteúdos estruturados: é preciso construir conteúdos com a estrutura adequada para ter boas posições — como tamanho ideal e uso de palavras-chave estratégicas.

Neste artigo, você pôde entender as vantagens do inbound marketing no mercado imobiliário e também como se preparar para introduzir essa estratégia no seu negócio. Portanto, lembre-se de considerar as dicas acima para aplicar a metodologia e colher os resultados proporcionados por ela.

Gostou deste conteúdo? Aproveite para ampliar seus conhecimentos ao ler o artigo marketing digital para corretores e marketing imobiliário: como funciona!

Foto do autor Vince
Por Vince

Índice
  • O que é o inbound marketing?
  • Como funciona o inbound marketing no mercado imobiliário?
  • Quais as principais diferenças entre inbound e outbound marketing?
  • Quais as principais vantagens do inbound marketing?
  • Como começar a implementar o inbound marketing na imobiliária?
Faça parte do Blueprint

Assine Grátis e receba a news semanal com os melhores conteúdos do mercado imobiliário.

Quer relatar sobre algum erro? Avise a gente
Compartilhe: