Logo do Blueprint
Fechar

Parcerias imobiliárias: como funcionam e como fazer? Confira 3 dicas!

Você sabe o que são e quais as vantagens das parcerias imobiliárias? Entenda como elas funcionam e conheça três dicas para firmá-las!

O mercado de imóveis tem diversas oportunidades para novos negócios. Nesse sentido, as parcerias imobiliárias podem ser uma alternativa interessante para os corretores de imóveis.

mercado de imóveis tem diversas oportunidades para novos negócios. Nesse sentido, as parcerias imobiliárias podem ser uma alternativa interessante para os corretores de imóveis. Por meio delas, os profissionais podem expandir sua carteira de clientes, aumentar as chances de sucesso em suas negociações e ampliar os lucros.

No entanto, essa prática pode despertar dúvidas. As regras sobre o funcionamento de cada parceria, por exemplo, podem deixar muitos profissionais inseguros. Por isso, é importante conhecer as vantagens desse modelo e o que considerar para construir uma cooperação sólida e produtiva.

Neste artigo, você entenderá o que são e como funcionam as parcerias imobiliárias. Além disso, conhecerá três dicas para colocá-las em prática. 

Confira!

O que é uma parceria imobiliária? 

Uma parceria imobiliária consiste no estabelecimento de um vínculo entre dois profissionais ou empresas desse mercado. Ela pode ser tanto situacional como de longo prazo. O objetivo é apresentar um serviço mais completo para o cliente.

Esse tipo de parceria é comum quando um corretor ou uma imobiliária não conta com um imóvel que o cliente está buscando, por exemplo. Assim, há como se juntar com outro profissional ou empresa que tenha a alternativa no portfólio e oferecê-la ao consumidor.

A parceria imobiliária é um processo que consiste no compartilhamento de ideias, confira como funciona o estabelecimento de um vínculo entre profissionais do mercado.
A parceria imobiliária é um processo que consiste no compartilhamento de ideias. Fonte: Blueprint

Nesse cenário, uma das categorias de acordo mais comum é a fifty — você já ouviu falar sobre ela? Em uma tradução literal, o termo significa 50 em português. Ele é usado para designar parcerias em que a comissão é dividida em 50% para cada um dos dois envolvidos.

Além disso, também é usual que muitos profissionais criem uma rede de contatos no mercado de imóveis. Assim, será possível otimizar o processo de parceria e melhorar a experiência do cliente com o serviço que está sendo prestado.

Contudo, é importante ter em mente que esse não é o único modelo de parceria imobiliária disponível a corretores e imobiliárias. Se você for um profissional do mercado, por exemplo, há como firmar acordo com empresas do setor.

Quais as vantagens das parcerias imobiliárias? 

Além de entender o que é e como funciona uma parceria imobiliária, é interessante conhecer as vantagens que esse modelo de negócios pode oferecer. Assim, você poderá analisar os possíveis benefícios dessa alternativa para sua atuação profissional.

Saiba mais!

Fidelização de clientes

Entre as principais vantagens das parcerias imobiliárias, é possível destacar a fidelização dos clientes. Como o mercado de imóveis é bastante concorrido, é importante adotar estratégias para melhorar a experiência do consumidor.

Desse modo, caso você consiga atender às necessidades desse cliente, aumentam as chances de fechar novos negócios com ele no futuro. Além disso, o consumidor também pode recomendar seu trabalho para outras pessoas.

Assim, as parcerias imobiliárias podem cumprir um importante papel na sua carreira. Afinal, você estará se unindo com outros agentes do mercado e oferecendo uma ampla gama de soluções ao seu cliente — agregando valor ao seu atendimento.

Aumento do portfólio de imóveis

Outra vantagem de trabalhar em modelo de parceria é o aumento do portfólio de imóveis. Esse aspecto é positivo especialmente para aqueles que estão iniciando no mercado ou ainda contam com um catálogo limitado de ofertas.

O Apto é um marketplace de imóveis novos que atua em todo o Brasil e oferece diversas opções de projetos.
O Apto é um marketplace de imóveis novos que atua em todo o Brasil e oferece diversas opções de projetos. Fonte: Blueprint

Ao consolidar uma parceria com um corretor consolidado no mercado ou um marketplace imobiliário, por exemplo, você terá mais imóveis para apresentar aos seus clientes. Dessa maneira, a probabilidade de oferecer um imóvel que agradará o seu consumidor é maior.

Anuncie seus lançamentos imobiliários no Apto!

Agilidade para fechar novos negócios

Em complemento a esses pontos, parcerias imobiliárias são importantes para dar mais agilidade para as suas negociações. Isso acontece porque o vínculo entre os envolvidos pode permitir a oferta de condições mais atrativas aos clientes.

Ademais, uma parceria estratégica também pode oferecer benefícios para sua carreira. Ao firmar um acordo com um negócio ou um profissional que tenha uma expertise diferente da sua, você poderá adquirir novas habilidades e usá-las no seu contato com futuros clientes.

Quais as desvantagens desse modelo?

Embora apresente pontos positivos, há aspectos que podem ser desvantajosos no modelo de parcerias. Entre essas características, é possível ressaltar uma perda da sua autonomia — especialmente ao considerar parcerias com outros corretores imobiliários. 

Afinal, pode ser preciso consultar seu parceiro antes de apresentar novas condições de venda ou fechar o negócio, por exemplo. Além disso, também vale destacar o impacto na sua comissão. 

Na parceria imobiliária de modelo fifty, por exemplo, há uma divisão de 50% na comissão.
Na parceria imobiliária de modelo fifty, por exemplo, há uma divisão de 50% na comissão. Fonte: Blueprint

Ao agir em parceria com outros profissionais ou empresas, os ganhos precisam ser divididos. No entanto, ao escolher com inteligência os seus parceiros, juntar-se a ele trará a você mais oportunidades de negócios. E, com um aumento nas vendas, os impactos financeiros tendem a ser até maiores.

Como fazer parcerias imobiliárias com 3 dicas? 

Agora que você conheceu as vantagens e as desvantagens do modelo de parcerias, é indispensável saber como fazê-las. Assim, será possível ampliar as soluções oferecidas aos seus clientes e fortalecer seus ganhos.

Confira três dicas para firmar acordos interessantes!

Foque na transparência 

A primeira dica é estabelecer uma parceria com base na transparência. Dessa maneira, é preciso deixar claro aos seus clientes que você trabalha em cooperação com uma empresa parceira — ou profissional.

Esse ponto é fundamental para você estabelecer uma relação de confiança com sua base de clientes. Além disso, a transparência também vale para o contato com seu parceiro. 

Especialmente se o vínculo for situacional, é importante que ele entenda os motivos que fizeram você buscá-lo e conheça os termos da parceria.

Estabeleça regras sobre a parceria

A segunda dica para realizar boas parcerias imobiliárias é estabelecer regras claras para o funcionamento delas. Isso significa que, antes de começar a trabalhar em equipe, é necessário o conhecimento sobre o papel de cada envolvido nesse vínculo.

Inclusive, pode ser interessante firmar um contrato de parceria. No documento, deve haver clareza sobre como se darão eventuais divisões das comissões e qual função cada parte desempenhará durante a parceria. 

Ademais, não deixe de conhecer a reputação do seu potencial parceiro antes de firmar um vínculo, ou seja, você deve saber como ele trabalha, suas referências no mercado, entre outros aspectos. Com isso, ficará mais fácil acertar nas escolhas e agregar valor ao seu trabalho.

Escolha parceiros com habilidades complementares

Como você viu, as parcerias imobiliárias também podem ser fontes de aprendizado. Essa característica é válida, principalmente para profissionais ou empresas que estão iniciando nesse mercado. No entanto, até aqueles mais experientes podem adquirir novas habilidades.

Portanto, a terceira dica é encontrar um parceiro que tenha habilidades complementares às suas. Dessa maneira, além de desenvolver um novo talento, será possível oferecer um serviço cada vez mais completo ao cliente — e potencializar cada vez mais as suas vendas.

Como vimos, as parcerias imobiliárias podem ser um mecanismo vantajoso para a sua atuação nesse mercado. Mas, para ter sucesso nos relacionamentos profissionais, é preciso conhecer essas três dicas e adotá-las para firmar vínculos cada vez mais estratégicos!

Quer acompanhar as principais tendências do mercado imobiliário? Assine nossa newsletter!

Foto do autor Vince
Por Vince

Índice
  • O que é uma parceria imobiliária?
  • Quais as vantagens das parcerias imobiliárias?
  • Quais as desvantagens desse modelo?
  • Como fazer parcerias imobiliárias com 3 dicas?
Categorias
Foto do autor Vince
No Apto desde 2015, antenado e atento aos detalhes do mercado imobiliário, traz explicações sobre as principais inovações e novidades do setor.

Assine a news do Blueprint

Assine Grátis e receba a news semanal com os melhores conteúdos do mercado imobiliário.

Quer relatar sobre algum erro? Avise a gente
Compartilhe: