Logo do Blueprint
Logo do Blueprint

O mercado imobiliário é um dos grandes setores que está sempre se reinventando e buscando por inovações; desde novas tecnologias até pensar em necessidades atuais para ditar seus lançamentos são maneiras encontradas para garantir a continuidade de seu crescimento. Mas considerando a atualidade e a inovação como ponto-chave, o setor acaba sendo muito mutável, destacando a importância do desenvolvimento e o comprometimento necessário dos profissionais em aprenderem sobre o novo.

Mas como podemos inovar na forma de engajamento desses profissionais do setor? Pensando nesse desafio, muitas incorporadoras criaram espaços para gerar discussões sobre o mercado e, ao mesmo tempo, demonstrar sua marca, como é o caso da Casa Tegra e da sede da Gafisa Viver Bem. Outro espaço com o mesmo conceito é o Centro de Inovação da Seed Incorp, um ambiente totalmente colaborativo, que possibilita diversas discussões e reflexões sobre o setor. Além disso, o espaço conta com tecnologias inovadoras que demonstram na prática os diferenciais de seus produtos para o cliente.

Em entrevista com Denis Yamada, coordenador de marketing na Seed Incorp, conversamos um pouco sobre a ideia: “O Centro de Inovação surgiu para demonstrar o conceito de casa-jardim. O espaço é um piloto e decidimos ter uma demonstração de automação residencial e da tecnologia BIM by Soultech, mostrar o conceito dos nossos projetos e trazer uma maquete diferenciada [...] além disso, o espaço também traz debates sobre o setor, parte de finanças, tendências de decoração, inovação, tecnologia, um ambiente onde a ideia é fomentar conteúdos para o mercado imobiliário.”

O Centro de Inovação da Seed Incorp conta com demonstração da automação residencial, maquete diferenciada, demonstração do sistema BIN e espaços colaborativos para trabalhar.
Centro de Inovação da Seed Incorp, um espaço colaborativo planejado para melhorar a experiência do profissional e do cliente. Fonte: Fotografia tirada pela autora Nathália Zanardo

Denis definiu o Centro de Inovação como: “Um espaço desenvolvido para envolver o cliente e os colaboradores.”, explicando que sua criação também foi muito benéfica para todos envolvidos no processo da incorporação: “A gente conseguiu tirar os colaboradores do escritório e levá-los para o centro, para terem uma ideia do que envolve uma construção, muitos funcionários só sabiam do dia a dia deles [...] lá dentro todo o negócio é discutido e demonstrado.”

Com o tempo, é provável que mais espaços inovadores surjam, e as incorporadoras passem a entender eles como um ambiente colaborativo que pode promover diversas discussões importantes e ideias para o setor, mas também é a oportunidade de aproximar colaboradores e clientes da marca do seu produto e do dia a dia da incorporação.

Faça parte do Blueprint

Clique em Assine Grátis e receba a news semanal com os melhores conteúdos e notícias do mercado imobiliário.

Compartilhe:

Mais conteúdos imobiliários:

Interface do Apê Perfeito, um teste desenvolvido para auxiliar na busca pelo imóvel ideal.

Quiz como ferramenta na busca pelo imóvel ideal

Vão da Pinacoteca para a exposição OSGEMEOS: Segredos. Fonte: Catraca Livre

OSGEMEOS, cultura de São Paulo e o mercado imobiliário

O edifício Vanguarda está no Parque Una e conta com um terraço cultural que proporciona vista para o lago.

E como estão os lançamentos das salas comerciais?

Mail Icon

Quer receber conteúdos como esse no seu e-mail gratuitamente?

O Blueprint respeita sua privacidade. Usamos cookies para melhorar sua experiência e ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade.