Produtos MCMV – Evolução e tendência

Produtos MCMV – Evolução e tendência
Foto da autora Gabriela Borba

Os produtos econômicos vêm passando por grandes transformações no decorrer dos anos. A atualização do Programa Minha Casa Minha Vida (MCMV) é uma delas, pois permite que as construtoras ofereçam produtos com amplo lazer em locais com boa infraestrutura e mobilidade urbana.

Fundada em 2016, a Vibra Residencial tem crescido muito no segmento econômico, tendo oito projetos lançados em São Paulo. Em entrevista exclusiva para o Blueprint, Murilo Santos, da Vibra, nos contou um pouco sobre as novidades que o Minha Casa Minha Vida tem proporcionado.

 

Produtos MCMV – Evolução e tendência
Perspectiva da piscina do Vibra Conceição. Fonte: Apto

Novos formatos de projetos Minha Casa Minha Vida

É comum observar, no mercado imobiliário, empresas seguindo uma padronização em seus lançamentos, com as mesmas tipologias, a mesma área de lazer e muitas torres, por exemplo. Para a Vibra, cada projeto pode ser diferente e não há necessidade de fazer “copia/cola” sem aumentar preço.

“Nunca ninguém imaginou que em SP o MCMV teria abertura para acontecer onde acontece hoje. Os terrenos que são viabilizados eram impossíveis há 10 anos, quando o programa começou. Devido às alterações e aos ajustes que foram feitos, isso se tornou viável [...] o MCMV já teve 3 atualizações e está indo para uma 4a agora,” apontou Murilo.

Novos formatos atraem novo público

A Vibra identificou que o perfil do público comprador dos apartamentos são pessoas de 35 a 45 anos, casadas, com até dois filhos. Pessoas que vão se casar em breve e estão adquirindo o primeiro imóvel também procuram os produtos.

Nota-se, no entanto, que jovens e um público mais moderno, que quer morar perto do metrô, por exemplo, também estão buscando esse tipo de moradia, mas ainda é uma pequena fatia. Será uma tendência para os próximos anos?

A construtora Magik traz sua linha Bem Viver, que atrai bastante o público single. Tem imagens? Tem, sim: Bem Viver General Jardim e Bem Viver Marquês de Itu.

 

Foto da autora Gabriela Borba
Content Creator, tem mais de 10 anos no mercado imobiliário, com passagens por imobiliárias, construtoras e empresas de pesquisa.
Quer relatar sobre algum erro? Avise a gente
Compartilhe:
Mais conteúdos imobiliários:
Schröder House, casa que até hoje é reconhecida pela fluidez e dinâmica dos ambientes.

Espaços dinâmicos com divisórias móveis

Flexibilidade espacial através de divisórias móveis, retráteis e deslizantes, permite que um mesmo ambiente possa abrigar usos diversos. Ótimo recurso para novos empreendimentos.
Foto da autora Victória Baggio
Victória Baggio
A rua também é feita de pessoas (não só de muros)

A rua também é feita de pessoas (não só de muros)

A abertura do térreo de edifícios, com espaços ao ar livre ou galerias, cria possibilidades e movimenta a rua. Esse fluxo de pessoas traz segurança...
Foto da autora Thainá Neves
Thainá Neves
Meeting drive-in em Goiânia sugere novas possibilidades para o mercado

Meeting drive-in em Goiânia sugere novas possibilidades para o mercado

Por causa da pandemia, inúmeras adaptações foram criadas para que o convívio, o trabalho e o lazer sejam realizados de maneira saudável.
Foto da autora Giovana Costa
Giovana Costa