Logo do Blueprint
Logo do Blueprint

Seguindo a tendência de Milão e de Paris, o governo de Londres busca implementar medidas que diminuam o uso de carros e do transporte público durante o gradual término da quarentena. Ações como essa têm o objetivo de assegurar o distanciamento social, assim como garantir que a cidade se recupere do coronavírus de uma maneira ecológica, já que, com a diminuição do uso de carros e do transporte público, diminui também a poluição do ar, e resolve-se dois problemas de uma vez.

Alguns aspectos talvez nunca voltem ao normal, mas iniciativas como essa mostram que esse cenário de mudança pode dar lugar a boas alterações na sociedade, envolvendo até o mercado imobiliário, afinal, as pessoas estão se deslocando para polos comerciais.
O Facebook, uma das empresas mais sensatas em planos de retomada, acredita que as coisas vão mudar, mas não é do dia para a noite. Eles esperam que 50% de todos os seus funcionários estarão trabalhando remotamente em até 10 anos. Porém, convenhamos, ainda assim é uma grande mudança que impacta o mercado de escritórios, pequenos ou grandes.

Compartilhe:

Mais conteúdos imobiliários:

Como serão os espaços de trabalho pós-pandemia?

Como serão os espaços de trabalho pós-pandemia?

A arquitetura residencial já indica novos rumos pós-COVID-19

A arquitetura residencial já indica novos rumos pós-COVID-19

O avanço de tecnologias que dispensam o toque no mundo pós-covid-19

O avanço de tecnologias que dispensam o toque no mundo pós-covid-19

Quer receber conteúdos como esse no seu e-mail gratuitamente?

O Blueprint respeita sua privacidade. Usamos cookies para melhorar sua experiência e ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade.