Logo do Blueprint
Logo do Blueprint

Nos últimos anos, os apartamentos compactos começaram a representar grande parte dos lançamentos do mercado imobiliário, sendo uma aposta para caber no bolso e no estilo de vida do comprador de grandes cidades. Com essa tendência aderida pelo mercado, as metragens ficaram cada vez menores. Na cidade de São Paulo o número de lançamentos com menos de 45 m² passou a representar 66% do total em 2019, correspondendo a maior participação da faixa com 28,3 mil unidades vendidas, segundo dados do Anuário do Mercado Imobiliário do Secovi.

Outra tendência também começou a ganhar força com os anos e o mercado imobiliário de alto padrão começou a se destacar, projetos assinados que representam exclusividade em todos os detalhes se tornaram objeto de desejo de muitos e assim o segmento de luxo passou a ser parte do dia a dia do mercado, inclusive em lançamentos compactos. Pode parecer um pouco estranho um comprador com alto poder aquisitivo procurar por um projeto de luxo com uma metragem compacta, mas foi a maneira encontrada para combinar o estilo de vida urbano à exclusividade, criando moradias mais dinâmicas, práticas e funcionais, mas, ao mesmo tempo, luxuosas.

Alguns empreendimentos retratam o sucesso na junção desses conceitos, como a torre de studios do Villa By Versace Home, combinando assinatura, localização nobre e tipologias de até 32 m², demonstra o conceito de um compacto de luxo. Outro empreendimento com o mesmo conceito é o Cyrela by Pininfarina, um projeto feito em parceria com o escritório de design famoso por projetar algumas Ferraris, com apartamentos de até 49 m², une um design único a uma localização privilegiada.

Empreendimento da Next Realty refletindo o conceito de compacto de luxo.
Next Aw Haddock, um dos futuros lançamentos da Next Realty, que se encaixa no conceito de compacto de luxo. Fonte: Next Realty

Algumas construtoras passaram a se especializar nesse segmento, como é o caso da Next Realty, criando empreendimentos compactos nas mais exclusivas localizações da cidade. Alexandre Carola, sócio-diretor da empresa, explicou em entrevista que a ideia dos projetos nasceu como uma maneira de se destacar no nicho explorando “microterrenos”, mas sempre com localizações exclusivas, com pouca oferta de mercado.

Destacando a visão que a empresa utiliza para seus compactos de luxo, Alexandre comentou: “Os empreendimentos têm entre 40 a 80 unidades, não mais que isso, por esse motivo os intitulamos de ‘empreendimentos boutiques’, pequenos e exclusivos, com uma localização extremamente nobre, sendo nosso grande diferencial.", resumindo a marca da empresa a qual cria um produto desejado pelos compradores, composto prioritariamente por investidores.

Com um conceito determinado, esses projetos de sucesso demonstram como os compactos de luxo já se destacam entre os empreendimentos, dando ao mercado imobiliário a chance de se renovar e explorar um novo segmento, atingindo um público que almeja o alto luxo, mas sem deixar a dinâmica da vida urbana.

Compartilhe:

Mais conteúdos imobiliários:

Vista do ambiente de massagem do empreendimento Insígnia Campo Belo, com conceito wellness.

Wellness buildings: empreendimentos que prezam pelo bem-estar

Vista do acesso e das áreas compartilhadas do Beds Butantã.

Startups apoiam o segmento de moradias estudantis

 Smartphone com redes sociais, poderosas ferramentas de vendas.

Social selling: como o mercado imobiliário vem utilizando esta estratégia de vendas

Mail Icon

Quer receber conteúdos como esse no seu e-mail gratuitamente?

O Blueprint respeita sua privacidade. Usamos cookies para melhorar sua experiência e ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade.