Logo do Blueprint
Fechar
Logo do Blueprint

Como vai o desempenho do mercado imobiliário até então?

Foto da autora Giovana Costa
Por Giovana Costa em 3 mins de leitura

Apesar dos impactos da pandemia e dos desdobramentos econômicos que rodeiam o País, o mercado imobiliário segue em tendência de crescimento, enquanto se estima que a construção terá, em 2021, crescimento de 5%, o maior em 10 anos. Mas, afinal, quais são as expectativas sobre o desempenho do setor nos próximos meses?

A demanda contínua por imóveis mostra como o setor imobiliário segue atrativo tanto para compradores como para investidores. Somente nos primeiros seis meses de 2021, foram lançadas 61.199 unidades, o que representa um aumento de 61,7% em relação aos lançamentos do primeiro semestre do ano passado, enquanto as vendas alcançaram 74.438 unidades. Em 2019, a venda de unidades (130.434) apresentou alta de 9,7% na comparação com 2018, quando foram vendidas 118.893 unidades.

Confira, a seguir, parte dos principais fatores que contribuíram para o ótimo desempenho do setor, até então:

Indicadores imobiliários comparando trimestres de 2019 e 2020.
A Câmara Brasileira da Indústria da Construção Civil (CBIC) projeta crescimento entre 5% e 10% do setor neste ano. A estimativa considera uma expansão do PIB de cerca de 3,5%. Fonte: Valor | O Globo

E apesar da Selic em crescimento, a expectativa é que a alta dos preços dos insumos e de juros não deva afetar o otimismo do mercado. No mês de agosto, ainda enquanto a Selic estava em 5,25%, os financiamentos imobiliários com recursos das cadernetas do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) atingiram 21,01 bilhões de reais, um valor 11,8% maior do que o registrado em julho. E em comparação com agosto do ano passado, cresceu 79,2%.

Segundo o Secovi-SP, somente em São Paulo, ainda durante a pandemia no primeiro semestre de 2021, quando foram registradas 29.935 vendas, foi o período em que mais houve vendas de imóveis novos na capital desde o início da série histórica, em 2004. Lembrando que foram lançados mais imóveis (36.699) na capital nos dois primeiros semestres desde o início da pandemia, que nos três primeiros semestres de 2017 a 2019 somados (33.726).

Que tal uma boa dose de otimismo para encerrar a semana com chave de ouro?!

Faça parte do Blueprint

Assine Grátis e receba a news semanal com os melhores conteúdos do mercado imobiliário.

Quer relatar sobre algum erro? Avise a gente

Compartilhe:

Mais conteúdos imobiliários: