Logo do Blueprint
Fechar

A leitura do espaço adaptada às diversas necessidades

Novas tecnologias podem e devem ser incorporadas ao processo de compra, inclusive as que dispensam o toque, para que a acessibilidade seja levada em consideração em todos os níveis, e não apenas como cumprimento de normas.

A leitura do espaço adaptada às diversas necessidades
Foto da autora Thainá Neves

Apesar de a experimentação do espaço ser naturalmente diferente para cada indivíduo, é importante utilizar mecanismos que promovam igualdade. Para a construção civil existem as normas de acessibilidade e os conceitos de desenho universal, mas acreditamos que é preciso ir além.

Cerca de 39 milhões de pessoas no mundo são cegas, e ainda há as que possuem outros problemas na visão. No Brasil, as pessoas com deficiência visual totalizam 18,8% dentre todas as outras deficiências. Algumas tecnologias podem ser aplicadas no setor imobiliário para que esse grupo tenha uma boa experiência no processo de escolha de seus imóveis.

A transformação de imagens em maquetes 3D é uma medida que vem sendo utilizada em exposições de arte e em iniciativas como o Projeto “Fotografia Tátil”. Imagine como seria interessante proporcionar ao cliente, além da maquete do edifício, as imagens das áreas comuns, ou até mesmo dos ambientes decorados, nesse formato.

Para o arquiteto Chris Downey, que perdeu a visão há 12 anos, associar informações multissensoriais como texturas, sons e cheiros facilita ainda mais a autonomia. Levando em consideração premissas como essa, foram implantados mapas com componentes táteis e sonoros em 44 estações de metrô da cidade de São Francisco, na Califórnia. Por meio deles, informações previamente gravadas são reproduzidas à medida que a caneta inteligente Livescribe toca em alguns pontos.

A leitura do espaço adaptada às diversas necessidades
Mapa da BART Coliseum Station, com componentes táteis e caneta com informações auditivas. Fonte: Citylab

Novas tecnologias podem e devem ser incorporadas ao processo de compra, inclusive as que dispensam o toque, para que a acessibilidade seja levada em consideração em todos os níveis, e não apenas como cumprimento de normas.

Foto da autora Thainá Neves
Arquiteta dedicada á pesquisa desde o inicio de sua formação, sempre atenta ao que surge de melhor para a criação de cidades mais sustentáveis.
Quer relatar sobre algum erro? Avise a gente
Compartilhe:
Mais conteúdos imobiliários:
Um novo olhar para as escadas

Um novo olhar para as escadas

O foco do projeto do escritório do Mercado Livre foram as escadas, por meio das quais se reinterpretou o conceito de “escada social”.
Foto do autor Lucas Vogan
Lucas Vogan
Meeting on-line agora é o novo normal

Meeting on-line agora é o novo normal

Os meetings on-line surgiram há poucas semanas e já se estabeleceram como o novo normal no mercado imobiliário.
Foto do autor Vince
Vince
As vantagens da fachada dupla ventilada

As vantagens da fachada dupla ventilada

A fachada dupla é uma solução versátil aplicada em edifícios com o objetivo de proporcionar conforto térmico. Saiba mais!
Foto da autora Thainá Neves
Thainá Neves