Airbnb vai patrocinar todos os Jogos Olímpicos até 2028

Airbnb vai patrocinar todos os Jogos Olímpicos até 2028
Foto do autor Lucas Vogan
Airbnb

Anteriormente, falamos no Blueprint como o patrocínio do Airbnb às Olimpíadas de 2024 causou conflito com o setor hoteleiro parisiense.

O Airbnb, porém, não parou por aí. A empresa assinou com o Comitê Olímpico Internacional (COI) um contrato de US$ 500 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos até 2028. Esse modo de promover a marca está relacionado ao plano do Airbnb de realizar seu IPO ou Direct Listing em 2020.

O Airbnb também vai oferecer acomodações gratuitas para atletas e executivos. Com o Olympic Experience, anfitriões que hospedarem atletas poderão treinar e passear pela cidade com o seu hóspede.

Foto do autor Lucas Vogan
Lucas Vogan é jornalista e foi um dos nossos colaboradores. Suas matérias trazem novidades do mercado imobiliário, com foco na economia.
Quer relatar sobre algum erro? Avise a gente
Compartilhe:
Mais conteúdos imobiliários:
Startup aluga imóveis para universitários e tem inadimplência zero

Startup aluga imóveis para universitários e tem inadimplência zero

Inspirada no conceito de aluguel rápido e sem burocracia, a LiveHere foca nos universitários, dando a opção de aluguel sem fiador ou depósito caução.
Foto do autor Lucas Vogan
Lucas Vogan
Mude.me é nova solução para noivos transformarem a lista de casamento em um passo para o novo apartamento

Mude.me é nova solução para noivos transformarem a lista de casamento em um passo para o novo apartamento

A Mude.me é uma plataforma de presente de casamentos em que os noivos estabelecem um valor que precisam arrecadar para a entrada e os convidados podem presenteá-los, de maneira lúdica, com cômodos dos apartamentos.
Foto do autor Lucas Vogan
Lucas Vogan
ODA vence concurso internacional com projeto inovador para Moscou

ODA vence concurso internacional com projeto inovador para Moscou

O escritório ODA venceu o concurso internacional que propunha a criação de um megaprojeto em Moscou, na Rússia, para estimular zonas industriais da cidade.
Foto da autora Gabriela Borba
Gabriela Borba