Logo do Blueprint
Fechar
Logo do Blueprint
Fechar

Visita virtual amplia possibilidades e oportunidades de vendas

Visita virtual amplia possibilidades e oportunidades de vendas

Criada nos anos 50, a realidade virtual ganhou força devido aos games e agora o mercado imobiliário começou a ver essa tecnologia como um caminho para atrair a atenção do público.

Mark Zuckerberg também está empolgado com realidade virtual.
Mark Zuckerberg também está empolgado com realidade virtual.

Mais barata que a construção do tradicional apartamento decorado, a apresentação do imóvel através do uso da realidade virtual ainda oferece a vantagem de não ocupar espaço no terreno, o que facilita a logística da construção. Além disso, é possível apresentar o imóvel de qualquer lugar, como um ponto de venda no shopping ou em algum feirão, como se a pessoa estivesse fisicamente no local.

Novas tecnologias tendem a crescer rápido quando seu custo de acesso é baixo e isso já está resolvido com o realidade virtual, principalmente depois que o Google lançou o Cardboard, um óculos de papelão que possibilita acoplar o seu smartphone, que reproduzirá o aplicativo.

Plano & Plano e MRV já disponibilizaram tours em realidade virtual usando o Cardboard, podendo ser acessados por qualquer cliente a qualquer momento. Com o recém lançado My Home Experience, da MRV, é possível até personalizar o seu apartamento.

O mundo da realidade virtual ficou impressionado em Setembro, quando a Oculus, do Facebook desde 2014, apresentou a nova tecnologia de hand tracking (tem vídeo), a primeira que dispensa controles físicos e, assim, nós passaremos a usar nossas próprias mãos para interagir! Oi, futuro!

Faça parte do Blueprint

Assine Grátis e receba a news semanal com os melhores conteúdos do mercado imobiliário.

Foto da autora Carolina Scordamaglio
Por Carolina Scordamaglio

Compartilhar esse post:

Quer relatar sobre algum erro? Avise a gente

Compartilhe: